• Convidados

O estresse e os seus dentes

Você sabe o que acontece com seu corpo diante de uma situação de estresse? A maioria das reações são inconscientes controladas pelo Sistema Nervoso Autônomo, que regula respiração, coração, transpiração e atividades estomacais.

Mas quem está livre do estresse? Ninguém. Todos nós estamos expostos aos problemas do dia a dia relativos ao trabalho, ao trânsito e às relações pessoais, acumulando, portanto, o tal do estresse.

E ele faz o coração bater mais rápido, a pressão sanguínea subir, a respiração aumentar de ritmo (para levar mais oxigênio para os tecidos), a transpiração aumentar (para resfriar o corpo) e os músculos se contraírem.

Qual a parte do seu corpo que você acha ser a mais sensível e a primeira a reagir ficando tensa quando você se estressa?

Mesmo que você não repare, sua boca e os músculos da mandíbula (o masseter e o temporal) se contraem instintivamente em reação a situações de estresse. E, em consequência desta contração, pode se desencadear uma série de problemas nos dentes e na boca, envolvendo até mesmo sua coluna cervical.

E existem vários problemas que advêm disso. Quer ver?

-Desgaste ou quebra dos dentes,

-Dores na face (devido às contrações excessivas dos músculos),

-Mobilidade dos dentes e consequente perda,

-Migração dos dentes,

-Abertura de espaços ente os dentes,

-Sangramentos da gengiva,

-Enxaquecas,

-Dores na região do ouvido,

-Zumbido,

-Limitação da abertura da boca e

-Problemas cervicais.

Quando notar algum desses sintomas, procure seu dentista e avise-o caso esteja passando por alguma situação extrema de estresse. Isso pode ajudar no seu diagnóstico e tratamento.

 

*Foto: Flickr/ Boston Public Library

Continue lendo "O estresse e os seus dentes"

Por: Rogério Guimaraes

Dentista e ortodontista, Rogério realiza ortopedia facial dos maxilares e odontologia estética. Nas horas vagas, é triatleta amador.